sábado, setembro 22, 2007

PSICOLOGIA MODERNA

-Agora chega, Nano!
Você está de castigo.
Vá para seu quarto e pense!
...
-Du???????? Duooooooooooo???????????
Vem comigo brincar aqui no meu castigo??
-Oba!!

12 comentários:

Gustavo Chaves disse...

"você que tem idéias tão modernas e é o mesmo homem que vivia nas cavernas"
gostei!
; )

ACANTHA disse...

É engraçadinho, não, GUSTAVO??

o Cronista disse...

Do tempo que eram inocentes....

Vieira Calado disse...

Pois são essas invenções que dizem ser modernidade, que não cabem cá na minha...
Boa semana.

ACANTHA disse...

Não somos todos inocentes, CRONISTA..??

ACANTHA disse...

Consigo imaginar a mente infantil arquitetando o melhor proveito a ser tirado do "castigo", VIEIRA CALADO.. E não há nada de moderno em traquinagens.. Volte sempre.

Jens disse...

Florzinha:
"Ai que saudades eu tenho da aurora da minha vida que os anos não trazem mais".
Dr. Spock manda lembranças. O Benjamin, of course.
Beijo.

ACANTHA disse...

A propósito, ele ainda vive, JENS???

Anônimo disse...

Para corrigir o Jens

"Ai que saudade que tenho
Da aurora da minha vida,
Da minha infância querida
que anos não trazem mais...

Casimiro de Abreu, em Meus Oito Anos.

Embora seja díficil, não podemos transigir no castigo, para o bem dele, no futuro.

ACANTHA disse...

Para corrigir os dois, ANÔNIMO (revele-se!):
Oh ! Que saudades que tenho
Da aurora da minha vida,
Da minha infância querida
Que os anos não trazem mais!

Bem.. fico lhe devendo a resposta sobre castigos.. Contei, como me foi contado. Mas penso que eu seria péssima em castigos. Sou condescendente em excesso..

Casimiro de Abreu disse...

Vão parar com essas correções aí. Eu não ligo. Basta que entendam.

ACANTHA disse...

I READ DEAD PEOPLE!!!!!!!!!!!!, CASIMIRO DE ABREU querido...