terça-feira, novembro 14, 2006

INTERIORES..

não há como explicar que não existam sentimentos dentro de mim.
só a infindável pena pelas minhas penas.
espero que de alguma forma, algum dia, a noite amanheça...

5 comentários:

marconi leal disse...

Uma coisa já te salva. E é escrever bem. Beijos.

Fábio disse...

ousando complementar:
...e que você se encontre num campo de margaridas!

A disse...

Olhem aqui vocês dois!!!!! Obrigada...

sandra camurça disse...

Puxa, Acantha! Um texto pequeno mas tão poético, tão poético...Parabéns! Beijão.

Acantha disse...

Ai SANDRA... que linda! Obrigada.